SITE OFICIAL

https://www.michaeljackson.com/


REDES SOCIAIS


BIOGRAFIA

Nome completo: Michael Joseph Jackson

Nascimento: 29 de agosto de 1958

Origem: Gary, Indiana

País: Estados Unidos

Falecimento: 25 de junho de 2009 (50 anos)

Gêner(s): R&B, soul, pop, rock

Rei do Pop. Pode parecer um título pretencioso e complicado de ser sustentado para qualquer artista, mas não para quem tem um retrospecto como Michael Jackson. Aos 11 anos, Michael já era o vocalista do Jackson 5 em “I Want You Back”, single que liderou as paradas americanas em 1969.

Hit após hit, a grandeza do artista nascido em Indiana era impossível de ser superada. Enquanto dividia o palco com os irmãos Jackie, Tito, Jermaine, a Motown percebeu no cantor-mirim uma mina de ouro. Seus primeiros álbuns como artista solo foram lançados de forma simultânea aos seus trabalhos como vocalista do Jackson 5: Gotta Be There, Ben (ambos em 1972), Music and Me (1973) e Forever, Michael (1975) – este último, promovido pela linda “One Day In Your Life”.

Após deixar a Motown com seus irmãos, viria a chance de trabalhar com o maestro Quincy Jones. Dessa primeira união sairiam os hits “Rock With You” e “Don’t Stop ‘Till You Get Enough”, incluídos em Off The Wall (1978). O segundo álbum de inéditas em sua nova gravadora, a CBS, entraria para a história como o mais vendido de todos os tempos. Com Thriller, Michael se transformaria em uma lenda, emplacando os singles “Beat it”, “Billy Jean”, “The Girl Is Mine” (com Paul McCartney), “Human Nature e “Thriller”. De forma simultânea, Michael invadiria a TV com seus videoclipes revolucionários, se transformando em um símbolo da nova era audiovisual. Desde seu lançamento, Thriller já vendeu mais de 66 milhões de unidades em todo o mundo, atingindo o primeiro lugar em oito países.

O tsunami causado pelo álbum freou a produção de seu sucessor. A chegada do próximo álbum de inéditas seria adiada diversas vezes. Nesse meio tempo, Michael escreveria com Lionel Richie “We are the World” – single beneficente do projeto USA for Africa de 1985. Dois anos mais tarde seria a vez de Bad e dos singles “I Just Can’t Stop Loving You”, “Man in the Mirror”, “The Way You Make Me Feel” e “Bad”, com seu clipe dirigido por Martin Scorsese.

Dangerous (1991) daria sequência ao seu projeto de conquista do pop, com diversas participações especiais, incluindo Slash e sua guitarra em “Give In To Me”. Entre os hits do álbum, destaque para “Remember the Time”, “Black or White” e “Heal the World”.

Em 1995, Michael inovaria ao lançar um projeto combinando hits e músicas inéditas divididas em dois álbuns: HIStory: Past, Present and Future, Book I. Da nova safra sairiam “Earth Song”, “You Are Not Alone”, “They Don’t Care About Us” (com clipe gravado no Rio de Janeiro) e a versão de “Come Together”, dos Beatles, gravada em 1988.

Invincible, lançado em 2001, se tornaria o último disco de inéditas antes de sua prematura morte em 2009. Dois álbuns póstumos já foram lançados nos últimos dez anos: Michael e Xcape.

Em janeiro de 2019, foi anunciada a produção do musical Don’t Stop Til You Get Enough, com estreia prevista na Broadway, em Nova York. O texto do espetáculo é baseado na turnê Dangerous (1992-1993).

Curiosidades: Em 1983, Michael gravou duas faixas com Paul McCartney: “Say Say Say” e “The Man”, incluídas no álbum Pipes of Peace. Em 1985, Michael Jackson compraria os direitos de 250 músicas dos Beatles, colocados à venda pela ATV music. O catálogo seria revendido para a Sony em 1996 por US$ 95 milhões de dólares.

MAIS ARTISTAS

Todos os artistas

r