Aniversário de São Paulo: músicas que foram inspiradas pela cidade

Com o aniversário de São Paulo chegando, separamos uma lista especial de músicas que foram inspiradas pela cidade para você conhecer, ou relembrar.

História da cidade

A cidade foi fundada em 1554, alguns anos após o descobrimento do Brasil, e povoada imediatamente sob a organização de padres jesuítas. Foram eles que criaram instituições católicas para catequizar os índios da região na chamada “São Paulo de Piratininga”.

Por estar localizada longe do litoral, durante o período colonial São Paulo era vista como um lugar sem grandes oportunidades de crescimento aos olhos dos donos de capitanias.

A situação começa a mudar depois da chegada dos Bandeirantes e da Independência do Brasil, quando Dom Pedro I oferece títulos à cidade e a exploração do café é iniciada na região.

Desde então, São Paulo nunca mais regrediu. Hoje, a cidade de São Paulo tem o 10º maior PIB do mundo e é considerada uma das capitais mais influentes no cenário internacional.

Músicas inspiradas em São Paulo

1)“Trem das Onze”  – Adoniran Barbosa

Adoniran Barbosa é um dos artistas mais icônicos da terra da garoa. Ele é o segundo artista que mais homenageou a São Paulo em suas canções. São 24 músicas sobre São Paulo, incluindo as famosíssimas “Trem das Onze” e “Samba do Arnesto”.

2) ‘Sampa’, Caetano Veloso

A esquina mais famosa da capital, no encontro das avenidas Ipiranga e São João, aparece logo nos primeiros versos da música do baiano Caetano Veloso. ‘Sampa’ se tornou uma música símbolo da cidade.

3) ‘Fim de Semana no Parque’, Racionais MCs

Não se pode negar que São Paulo também é recheada de desigualdade social e isso serviu como fonte para alguns artistas. Mano Brown, vocalista dos Racionais MCs, já contou a realidade da periferia em algumas canções, e ‘Fim de Semana no Parque’ é uma das que ele dedica logo de cara à “toda comunidade pobre da Zona Sul”.

4) ‘Não Existe Amor em SP’, Criolo

Funcionando mais como uma crítica, essa música é sobre o lado de São Paulo que os turistas não veem. Para o artista, “os bares estão cheios de almas tão vazias”. A canção fala um pouco mais sobre como apesar das coisas terem melhorado, para quem vive nas aglomerações subnormais a realidade ainda é a mesma.

5) ‘As minas de Sampa’, Rita Lee

Não existe alma mais paulistana do que Rila Lee, foi ela quem batizou o Ibirapuera como praia dos paulistas. Nascida na Vila Mariana, nessa música a cantora fala mais sobre as “dondocas” de SP e sua vida pela cidade.

 

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados