Dickey Betts, guitarrista da Allman Brothers Band, morre aos 80 anos

O lendário Dickey Betts, guitarrista da Allman Brothers Band, morreu na manhã desta quinta-feira (18), aos 80 anos. De acordo com o empresário David Spero, o cantor batalhava contra o câncer e uma doença pulmonar obstrutiva crônica.

A confirmação da notícia também se deu através de uma nota publicada no perfil oficial da banda nas redes sociais: “É com profunda tristeza e com pesar que a família Betts anuncia o falecimento de Forrest Richard ‘Dickey’ Betts (12 de dezembro de 1943 – 18 de abril de 2024) aos 80 anos de idade”.

A genialidade de Dickey Betts está presente em diversos hits do grupo, incluindo “Blue Sky”, “Rambling Man”, “Jessica”, “in Memory of Elizabeth Reed” e muitos outros. Ademais, o guitarrista desenvolveu um som único no instrumento, o que posteriormente ficou conhecido como Southern Rock.

Sua passagem no Allman Brothers Band durou até o ano de 2000, mas antes disso ele já investia em seus projetos solos. Assim, nas décadas de 1970 e 1980, ele lançou diversos discos independentes.

Entretanto, o nome Dickey Betts ainda sempre esteve fortemente ligado a banda, que se destacou no cenário rock. Entre os maiores sucessos da carreira deles, pode-se citar “Whipping Post”, “Ain’t Wastin’ Time No More”, além das canções mencionadas acima.

Entre suas diversas conquistas e reconhecimentos, Betts detém um Grammy por uma performance ao vivo de “Jessica”, além de ter sido introduzido com o The Allman Brothers Band no Rock And Roll Hall Of Fame. Ademais, também se tornou a inspiração principal para o surgimento do personagem Russell (interpretado por Billy Crudup) em Almost Famous“, de Cameron Crowe.

Leia também: Chris Martin elege Kylie Minogue como uma das pessoas mais influentes de 2024

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados