Oppenheimer quebra mais uma bilheteria internacional

Nove meses após seu lançamento, “Oppenheimer”, o aclamado drama histórico de Christopher Nolan sobre a criação da bomba atômica, surpreendentemente continua a conquistar o público e bater recordes. O longa, estrelado por Cillian Murphy como o cientista J. Robert Oppenheimer, acaba de se tornar o filme de maior bilheteria internacional da carreira do diretor, ultrapassando “Batman: O Cavaleiro da Trevas Ressurge“. 

De acordo com o Box Office Mojo, “Oppenheimer” já arrecadou impressionantes US$968,2 milhões em bilheteria mundial. Além disso, desse total, US$638,3 milhões vieram do mercado internacional, superando os US$637,1 milhões de “Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge”. Nos Estados Unidos, por sua vez, o filme arrecadou US$329,8 milhões. Assim sendo, o drama sobre a bomba atômica se tornou o longa de maior arrecadação fora dos Estados Unidos da carreira do cineasta britânico.

O sucesso da produção certamente consolida a posição de Christopher Nolan como um dos cineastas mais populares e aclamados da atualidade. O diretor é conhecido por seus filmes de grande escala, com efeitos visuais impactantes e histórias complexas. “Oppenheimer” não é exceção, e o filme tem sido amplamente elogiado pela crítica.

Sinopse

“Oppenheimer” é um filme histórico de drama dirigido por Christopher Nolan e baseado no livro biográfico vencedor do Prêmio Pulitzer, “Prometeu Americano: O Triunfo e a Tragédia de J. Robert Oppenheimer”, escrito por Kai Bird e Martin J. Sherwin.

Ambientado na Segunda Guerra Mundial, o longa acompanha a vida de J. Robert Oppenheimer (Cillian Murphy), físico teórico da Universidade da Califórnia e diretor do Laboratório de Los Alamos durante o Projeto Manhattan – que tinha a missão de projetar e construir as primeiras bombas atômicas.

Leia também: Peaky Blinders: Cillian Murphy está oficialmente de volta

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados