São Paulo e Rio de Janeiro estão em estado de atenção para alagamentos

Os estados de São Paulo e Rio de Janeiro estão em estado de atenção para alagamentos nesta sexta-feira (26). As áreas afetadas são as seguintes: regiões metropolitanas de São Paulo, do Rio de Janeiro, Vale do Paraíba paulista, sul fluminense, litoral sul paulista e das baixadas.

Conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os dois estados estão em alerta vermelho de “grande perigo” de altos volumes de chuva. O volume de chuvas pode ultrapassar os 60 milímetros por hora nessas regiões. Também há previsão de ventos intensos que podem chegar a 100 quilômetros por hora.Ademais, o Inmet ainda fez um alerta para a existência de grande risco de alagamentos e transbordamentos de rios, além de deslizamentos de encostas nas cidades afetadas.“Segundo a Defesa Civil do Estado de São Paulo, ontem choveu por volta de 124 milímetros (mm) no Guarujá em apenas 12 horas, 115 mm em Bertioga e 93 mm em São Sebastião e Santos.”, afirma a Agência Brasil.

Alagamentos no litoral de SP

A tempestade que atingiu o litoral de São Paulo nesta quinta-feira (25) causou estragos e deixou famílias desabrigadas. O município de São Sebastião, por exemplo, em 72 horas teve 60% do espero no volume de chuvas para o mês de janeiro. Além disso, por conta das precipitações, 42 famílias foram desalojadas e tiveram de ser abrigadas em escolas municipais. Outras cidades que também registraram problemas foram Caraguatatuba, Ubatuba e Santos.

Para amanhã, a previsão do tempo é que as chuvas diminuam. “No sábado (27) a condição para chuva significativa na Capital diminui, mas são previstas pancadas isoladas no período da tarde, porém com baixo potencial para a formação de alagamentos. No decorrer do dia, sol entre muitas nuvens e temperaturas entre mínima de 17°C e máxima por volta dos 25°C. Os índices de umidade permanecem elevados, com valores entre 63% e 95%.”, concluiu o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da Prefeitura de São Paulo,

Leia também: Tim Maia tem a música mais tocada em shows da capital paulista, segundo Ecad

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados