Comida di Buteco divulga participantes da nova edição; veja dicas em São Paulo

O Comida di Buteco divulgou nesta segunda-feira (25), como antecipado pela Alpha FM, os bares e restaurantes que participarão da edição deste ano. Diferentemente dos anos anteriores, todos os circuitos envolvidos conheceram seus representantes ao mesmo tempo. O concurso começa em 5 de abril e termina em 5 de maio.

Contudo, o site oficial mostra menos estabelecimentos do que o previsto em São Paulo. A expectativa era de 152 concorrentes, mas constam 136 na página até o momento. A lista está sendo atualizada. Apesar disso, já há um ligeiro aumento no número de participantes em relação ao ano passado. Já na comparação com 2012, no primeiro “Comida” na capital paulista, o salto é de 172%.

Atual bicampeão regional e atual campeão nacional, o Venezas Bar (Rua Brigadeiro Jordão, 294) estará no páreo mais uma vez. O boteco do bairro do Ipiranga, na Zona Sul, quer ganhar o público com o petisco “Deu a louca no Dom Pedro”.

De acordo com o bar, trata-se de um escalopinho de mignon com creme de mostarda e shitake, coberto com provolone maçaricado. Acompanha batatas ao murro, tomatinho confitado, azeitona portuguesa e azeite temperado.

A qualidade do petisco, cujo valor fixo é de R$ 35 neste ano, é um dos quesitos avaliados pelos clientes e jurados credenciados. Os outros – não menos importantes -, sem dúvida, são: temperatura da bebida, atendimento e higiene. Cada um dos 27 circuitos elege seu campeão. Em seguida, estes ganhadores passam por um novo júri no Comida di Buteco nacional, onde serão escolhidos os três primeiros colocados.

A partir dos petiscos, nossa reportagem selecionou dez bares, dois de cada região da cidade de São Paulo, que podem merecer uma visita. Decerto, outros tantos chamarão a atenção.

Centro

Sotero Cozinha Original (R. Barão de Tatuí, 282 – Vila Buarque) – Duo do Sol: tartar de mignon de sol e carpaccio de carne de sol com vinagrete de manga.

Bar Ovo (R. Dr. Cesário Mota Júnior, 569 – Vila Buarque) – Bolove: bolinho de massa de batata temperada, recheada com carne de panela, cubinhos de ovos cozidos e mussarela, servido com crisp de bacon e vinagrete.

Norte

Bar do Zinho (R. Dias da Silva, 762 – Vila Maria) – Porco que o pariu: bolinho de joelho de porco defumado, temperado com cebola roxa, catupiry, mussarela e salsinha, sem massa. Acompanha: molho agridoce com base de mostarda e chimichurri.

Bar Bambu (R. Conselheiro Moreira de Barros, 1084 – Santana) – Lusitano: bolinhos de alheira recheados com bacalhau.

Sul

Bar do Miltinho (R. Luís Góis, 14 – Mirandópolis) – Bolinho do Miltinho: bolinho de carne seca com mandioca e queijo. Acompanha molho de ostras com maionese e outro de maionese com tempero seco.

Trecão Bar (R. Nova Louza, 66 – Vila Firmiano Pinto) – Bolinho moara: bolinho mixa os sabores da abóbora cabotia e camarão. Acompanha: pimenta caseira de leve ardência e pesto de coentro.

Leste

Chopp do Alemão (R. Doutor José Paulo, 103 – Chácara Seis de Outubro) – Agora Vai: carne de siri sobre uma cama de creme de mandioca, acompanhado de três pasteis de vento e cachaça Bico Doce.

Boteco 647 (Avenida Guilherme Giorgi, 261 – Vila Carrão) – Bolinho de pastrami com maionese de abacate: carne maturada por 21 dias, de acordo com o local, e feita no pit smoker por 12 horas. A finalização é com catupiry e especiarias; servido com uma maionese de abacate.

Oeste

Lapa Lapa – Bar e Grelha (R. Antônio Mariz, 123 – Alto da Lapa) – Croquete de língua defumada: croquete de língua bovina defumada com picles de cebola roxa e maionese defumada.

Dibrito Bar & Brasa (R, Desembargador do Vale, 115) – coxa creme defumada e empanada na farinha Panko. Acompanha: maionese picante e coração de frango. Aliás, este é o único da lista que já provamos e aprovamos.

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados