Conheça os principais hábitos que prejudicam a sua postura

Você sabia que uma postura ruim pode prejudicar muito a sua saúde? Sim!

Dores na coluna, na lombar e no pescoço já são vistas como dores “comuns” e diárias entre as pessoas. Parece algo normal e inofensivo, mas essa é uma falsa crença. Essas dores precisam de atenção!

Em casos mais graves é preciso buscar a ajuda de um profissional qualificado, porém, é possível também reverter alguns quadros com simples mudanças em hábitos diários.

Seja no trabalho ou em casa, temos atitudes que prejudicam a nossa postura. Alguns desses hábitos você pode mudar com pequenos passos, basta entender como e ter força de vontade.

Para te ajudar separamos os seis principais hábitos diários que prejudicam a sua postura e dicas de como evitar esses desconfortos.

 

1) Passar muito tempo em uma só posição

Durante o dia acabamos por não perceber, mas passamos muito tempo em apenas uma posição, geralmente sentados. Tanto para profissionais que trabalham em escritórios ou home office, quanto para pessoas que têm o costume de ficar longos períodos sentados durante o dia, essa prática pode ser um risco à saúde da coluna. Podemos explorar esses riscos de duas formas principais:

– Ficar muito tempo sentado

Ficar uma boa parte do tempo do dia sentado pode trazer sérios riscos à sua saúde. Além de sedentarismo que pode causar obesidade, diabetes e estresse, há também os possíveis problemas na coluna. O ideal é se levantar a cada 30 minutos ou uma hora para um rápido alongamento. Estique seus membros, braços, pernas e costas, alongue seu pescoço de forma lenta e alterne os ciclos. Aproveite para tomar água e andar um pouco, isso ajuda na circulação do sangue.

Sentar na posição incorreta

Sentar-se em posição incorreta pode causar diversos problemas à sua coluna, dores na lombar, nos ombros, pescoço e outros problemas. Além de prestar atenção na posição em que está sentado, é preciso regular a cadeira de forma correta. O ideal é encostar a coluna no encosto da cadeira, elevar a cabeça e joelhos a cerca de 90º.

2) Levantar objetos pesados

Aqui a palavra principal é segurança. Para levantar um objeto pesado é preciso ter muito cuidado, pois uma elevação indevida pode causar sérias lesões na coluna. É importante primeiro conhecer o objeto, entender o quão pesado ele é e aplicar alguns passos de segurança. Veja:

– Para levantar um objeto do chão é preciso fazer como um agachamento, dessa forma, o peso ficará concentrado nas pernas e não na coluna. Nunca faça a elevação com o peso concentrado na coluna;

– Mantenha a coluna reta e procure não fazer movimentos bruscos;

– É importante também trabalhar a respiração antes de qualquer elevação.

3) Atender o telefone apoiado no pescoço

Esse é um hábito mais comum do que imaginamos. Muitas vezes ao dia estamos com as mãos ocupadas ou não podemos interromper uma tarefa quando o celular toca. Inevitavelmente, seguramos o aparelho entre o pescoço e a orelha sem a ajuda das mãos. Independente da ligação ser rápida ou longa, esse é um hábito que devemos excluir do nosso dia a dia imediatamente.

Essa prática pode causar dores cervicais, lesionar partes sensíveis do pescoço e causar até mesmo problemas em outros membros do corpo.

4) Usar o notebook sentado na cama

Parece muito confortável não é mesmo? Mas é um hábito extremamente perigoso para a saúde da coluna. Dependendo da posição você pode sobrecarregar um músculo do seu corpo e afetar a sua coluna vertebral. Ah! E não adianta usar mesas especiais para esse fim. Quando nos sentamos ou deitamos na cama com o notebook, podemos até iniciar em uma posição não tão prejudicial, mas aos poucos entramos em estado de relaxamento e é inevitável reajustar a postura corporal. Além da coluna, o pescoço e os braços começam a sofrer, pois ficam sobrecarregados durante muito tempo.

5) Uso de bolsas muito pesadas

Principalmente as mulheres têm o hábito de usar diariamente bolsas nos ombros, seja no trabalho ou para passeios. O grande problema é que muitas vezes as bolsas estão com excesso de peso e isso pode causar sérios danos à saúde da coluna. Primeiro porque geralmente a bolsa fica apoiada em um dos ombros, ou seja, o peso fica concentrado de forma assimétrica. Para diminuir o possível desconforto, a coluna compensa o peso do outro lado, o que pode afetar a lombar de forma perigosa. Além disso, ao caminharmos o corpo tem um equilíbrio natural com os movimentos dos braços e das pernas. Quando um peso extra é adicionado apenas de um lado do corpo, o movimento dele fica comprometido e desequilibrado, o que prejudica a postura corporal.

Para reverter esses danos e não deixar de carregar os pertences diariamente, é preciso reduzir o peso da bolsa e carregar apenas o necessário. Procure por bolsas transversais ou por mochilas a fim de distribuir melhor o peso no corpo.

6) Sedentarismo

Você sabia que a maioria dos casos de dores na coluna está diretamente relacionado ao sedentarismo? Esse é um mal que afeta grande parte da população. Muito além da parte estética, praticar exercício é essencial para o bom funcionamento do organismo (físico) e da mente (psicológico). Além de combater ou prevenir doenças como obesidade, diabetes, do coração, ansiedade e estresse, a prática regular de exercícios físicos também pode ajudar naquela dor diária da lombar e da coluna.

Pode ser um exercício mais intenso ou até um alongamento, o que importa é não ficar parado. É importante consultar um profissional qualificado para entender qual é o exercício ideal para o seu perfil e que ajudará a minimizar dores ou prevenir problemas maiores.

 

Texto por Patrícia Lacombe, fisioterapeuta, em parceria com Saúde Minuto

spot_img

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados