Os Direitos das Crianças e a Turma da Mônica

Nova York – 20 de novembro de 1989. A data é histórica por diversos motivos. Foi nesse dia que a ONU, por meio da Unicef (Fundo das Nações Unidas pela Infância) instituiu os Dia Internacional dos Direitos da Criança, embasado por uma série de regrinhas que precisamos cumprir para que a criança se transforme em um adulto com princípios e responsabilidades.

Os quatro itens fundamentais desses direitos são fáceis de serem decorados: Não discriminação; Respeito aos interesses da criança; Sobrevivência e desenvolvimento e por fim, todos devem levar em conta a opinião de uma criança, já que seu futuro está em jogo.

{ galeria 112 }

Campanha no Brasil

Em 1979, a Maurício de Sousa Produções já havia dado show na hora de lembrar seus leitores-mirins (e adultos) sobre o Ano Internacional da Criança, também criado pelas Nações Unidas, visando combater a desnutrição e falta de educação. Para marcar o evento, Maurício de Sousa editou o Manual da Mônica, com o objetivo de espalhar esta mensagem de forma divertida.

{ galeria 113 }

Os Direitos da Criança

Duas décadas mais tarde, Maurício deu mais uma vez exemplo de cidadania com a campanha pelos Direitos da Criança em seus quadrinhos. Durante todo o ano de 1990, Mônica, Magali, Cebolinha, Cascão e Chico Bento ganharam capas especiais e histórias que destacavam o conteúdo dos direitos infantis.

{ galeria 114 }

O estatuto da criança

Nos quadrinhos da Mônica, veio a história para lembrar que “Toda criança tem direito a uma família. Já na hq do Cebolinha, o lembrete foi “Toda criança tem o direito de brincar”. Na revistinha do Cascão, o direito em destaque foi “Toda criança tem direito à liberdade de expressão”. O personagem Chico Bento relembrou que “Toda criança tem direito à educação”. Por fim, Magali completou a lista com algo muito importante: “Toda criança tem direito à saúde”.

Passados mais de 25 anos, será que esses direitos são respeitados em nosso país?

De qualquer forma, esta data foi marcada em 2015 com outra revista especial: A Turma da Mônica em: O estatuto da criança e do adolescente.

 

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados