Renovabio: descarbonizar para uma melhor proteção ambiental

Você sabe o que é descarbonização? Este é um processo que busca a redução a longo prazo da eliminação da emissão de gás carbônico, seja nas atividades empresariais ou pessoais do ser humano. Mas é claro, isso só é possível quando há uma mudança de atitude, como redução da produção de lixo ou até mesmo a substituição de combustíveis fósseis por energias renováveis – como solar, eólica e de biomassa. 

Por isso, em 2016, foi criado pelo Ministério de Minas e Energias o programa Renovabio, cujo objetivo é expandir a produção de biocombustíveis em território nacional. Tudo isso baseado na previsibilidade, sustentabilidade ambiental, econômica e social, além de ser compatível com o crescimento do mercado. 

Este programa funciona da seguinte forma: cada tonelada de CO2 que deixa de ser emitida gera um crédito de carbono – um ativo financeiro chamado Cbio. Então, os produtores de combustíveis podem obter renda a partir da venda dos ativos. Esse título só pode ser adquirido por empresas licenciadas que são produtoras ou importadoras de combustíveis e que trabalham para redução de emissões do gás no meio ambiente.

E em 2021, as notícias boas não param de chegar! No primeiro trimestre deste ano, os Cbios já ultrapassam metade do estipulado pelo Renovabio até dezembro. Dos 24,8 milhões que as distribuidoras de combustível fóssil estão obrigadas a comprar até o final do ano,  já foram disponibilizados 14 milhões.

A cada 12 meses, o Ministério de Minas e Energias junto ao Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), realiza uma reunião para definir a meta que as distribuidoras precisam atingir com a compra desses créditos financeiros. O mais legal dessa história, é que os Cbios podem ser adquiridos por qualquer pessoa que trabalhe com a bolsa de valores, sejam eles investidores de pessoa física ou jurídica.

De acordo com o Acordo de Paris – um tratado mundial que possui um único objetivo: reduzir o aquecimento global – o Renovabio deve chegar a 2030 com a meta de 90 milhões de Cbios. 

O programa ainda é novo, mas vem crescendo em um ritmo acelerado e além do esperado. Para se ter uma ideia, em 2020, o objetivo inicial do projeto foi ultrapassado em 4 milhões. 

Para conhecer o Renovabio, clique aqui

spot_img

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados