Anvisa autoriza retomada de testes da Coronavac

Vacina estava com estudo em pausa após ocorrência com um dos voluntários

Anvisa autoriza retomada de testes da Coronavac

Por: Larissa Martin


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autoriza nesta quarta-feira (11) a retomada dos testes clínicos da Coronavac. O imunizante contra a Covid-19 está sendo desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac, em parceria com o Instituto Butantã. 


As testagens haviam sido suspensas na segunda-feira (9), devido a ocorrência de um "evento adverso grave" em um dos voluntários. Nesta manhã, a Anvisa divulgou em nota que decidiu autorizar a retomada do estudo após receber na terça (10) documentos e informações sobre o caso. De acordo com o órgão, o conjunto de dados a respeito do evento adverso veio acompanhado de um relatório do comitê independente internacional de monitoramento de segurança sobre o caso, junto do boletim de ocorrência relacionado à provável motivação do evento adverso.


A agência disse, ainda, que não possuía nenhuma dessas informações quando optou pela interrupção dos testes e que, diante da gravidade do caso e da "precariedade dos dados enviados", decidiu que a interrupção seria a medida mais adequada. 


"A suspensão e a retomada de estudos clínicos são eventos comuns em pesquisa clínica e todos os estudos destinados a registro de medicamentos que estão autorizados no país são avaliados previamente pela Anvisa com o objetivo de preservar a segurança dos voluntários do estudo", escreveu em nota.