Anderson Leonardo, vocalista do Molejo, morre de câncer aos 51

O cantor de pagode Anderson Leonardo, do grupo Molejo, morreu nesta sexta-feira (26), aos 51 anos, vítima de complicações de um câncer inguinal. O tumor na região da virilha é raro, de acordo com os médicos.

O artista recebeu o diagnóstico para a doença em outubro de 2022 e, em fevereiro deste ano, passou a tratar insuficência renal. Anderson estava internado no hospital Unimed-Rio, no Rio de Janeiro. Era a terceira internação apenas neste ano.

Na última segunda-feira, o vocalista foi parar na UTI da unidade por causa de uma queda na pressão arterial. Na manhã desta sexta, o quadro de saúde evoluiu para “gravíssimo”.

Em um comunicado no Instagram, a banda lamentou o falecimento. “Sua presença e alegria era uma luz que iluminava a vida de todos ao seu redor, e sua falta será profundamente sentida e jamais esquecida, nós te amamos”, disse um trecho da nota.

Anderson Leonardo fundou o Molejo, ou o “Molejão” para os fãs, em 1988, junto de Andrezinho, William Araújo, Claumirzinho, Lúcio Nascimento e Jimmy Batera. Anderson e o Molejo fizeram milhares de brasileiros se divertir nos anos 1990 com “Brincadeira de Criança”, “Dança da Vassoura” e “Cilada”, entre outras canções divertidas.

Siga a Alpha FM para ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo da música, entretenimento e cultura

Aliás! Celine Dion desabafa sobre síndrome rara e fala sobre volta aos palcos

Novos conteúdos

Relacionados

Relacionados