Os benefícios da acupuntura para a amamentação

A amamentação é um período importantíssimo para o crescimento e desenvolvimento do recém-nascido. Além de estimular todo o sistema imunológico e defesa do organismo da criança, é o momento de interação afetiva mais importante entre mãe e filho.

Em algumas situações específicas, a amamentação pode estar prejudicada, como em casos de baixa produção de leite materno ou também em momentos de aprisionamento do leite nas mamas, o ingurgitamento mamário.

Estudos científicos atuais comprovam que a Acupuntura quando bem aplicada, pode melhorar a produção e ejeção de leite materno, aumentando os níveis séricos de prolactina e ocitocina, dois hormônios importantíssimos produzidos na glândula hipófise, no sistema nervoso central.

Outro estudo científico inclusive demonstra a eficácia da Acupuntura em estímulo de lactação em pacientes que já tinham tentado o uso de medicação para a produção de leite, sem sucesso. No caso, pacientes que usaram metoclopramida sem sucesso, obtiveram resultados satisfatórios com a Acupuntura.

Mulheres lactantes também podem sofrer com dores nas mamas pela amamentação, as mastalgias. E inclusive podem desenvolver inflamações locais mamárias se não houver um bom fluxo de leite, podendo desenvolver as mastites puerperais. Nestes casos, a Acupuntura também alivia as dores e melhora a ejeção do leite ingurgitado.

Muitas vezes também pela posição inadequada da mãe no ato de amamentar pode causar dores musculares na mulher. É comum desenvolverem cervicalgias, lombalgias e dores na região do quadril. Mais uma boa indicação de Acupuntura no período da amamentação, já que temos que ter a visão de tratar a paciente como um todo.

Por Luciano Curuci, médico acupunturista e ginecologista, em parceria com o Saúde Minuto. 

 

spot_img

Novos conteúdos

spot_img

RELACIONADOS

Relacionados